"SÍNDROME DE ROKITANSKY (MRKH)"

Espaço para divulgação, informação e apoio às portadoras de "SÍNDROME DE ROKITANSKY".
A participação de profissionais de saúde e familiares também é muito bem vinda.
Vamos juntos debater o tema, esclarecer dúvidas e aprender para tornar a descoberta e aceitação da Síndrome menos dolorosa.

20 de out de 2010

Perguntas frequentes



  • Problemas durante a gestação podem ter ocasionado a Síndrome?
R: Não!!! Não há qualquer ligação. É um defeito de fusão dos ductos de Müller mas não há explicação do porque isso ocorre.
Estudos genéticos sugerem uma transmissão autossômica dominante de um gene mutante de parente masculino.
  • Pode ocorrer mais de uma vez na mesma família?
R: Sim, conheço 2 casos de irmãs portodoras. Mas não ocorre com tanta frequencia.
  • Mulheres com Sd. de Rokitansky tem TPM?
R: Sim!!! Temos produção de hormônio, ovulação, cólicas como toda mulher, apenas não temos a menstruação devido a ausência do útero.
  • Precisamos fazer exame preventivo? ( Papanicolau)
R: Sim!!! Obviamente que o risco de câncer de colo uterino inexiste mas é preciso fazer anualmente para detectar HPV, corrimentos, infecções ... É feito através de coleta da secreção vaginal.
  • Já que não temos menstuação, o que acontece com os óvulos não fecundados?
R: São absorvidos pelo organismo.
  • Mulheres com Sd. de Rokitansky podem ter endometriose?
R: Sim!!! Pode ocorrer mesmo não tendo o útero. E os hormônios ovarianos a alimentam. Mas é raro ocorrer.
  • Mesmo tendo feito cirurgia, preciso usar molde?
R: Sim o uso é necessário! Seu uso está ligado a profundidade do canal.
  • Mulheres com Sd. de Rokitansky possuem características masculinas? ( aumento de pelo, voz grossa...)
R: Não!!!! E nem terão tendencia a sofrer virilização (mudanças hormonais masculinizantes). A produção hormonal é normal.
  • Seria possível uma gravidez nas trompas?
R: Não há relatos de pacientes ( Sd. Rok) que engravidaram. Pois não há comunicação com canal vaginal ( fundo cego).
  • É possível um transplante de útero?
R: Recentemente médicos árabes anunciaram que o transplante está em texte. Mas o procedimento é complicado porque o risco de rejeição é grande, seria necessário tomar muitos medicamentos imunossupressores que prejudicariam o bebê. Vamos aguardar pra ver quais serão os resultados da pesquisa.

Mais alguma pergunta? Vamos tentar respondê-la!


OBS: Esclarecimentos dado por um médico especialista e também amigo.

0 comentários:

Postar um comentário