"SÍNDROME DE ROKITANSKY (MRKH)"

Espaço para divulgação, informação e apoio às portadoras de "SÍNDROME DE ROKITANSKY".
A participação de profissionais de saúde e familiares também é muito bem vinda.
Vamos juntos debater o tema, esclarecer dúvidas e aprender para tornar a descoberta e aceitação da Síndrome menos dolorosa.

4 de nov de 2011

SAIBA TUDO SOBRE SÍNDROME DE ROKITANSKY

Esse é o vídeo do programa que divulgamos.


Drª Rose Villela (psicóloga e sexóloga) entrevista Drª Luciana Crema (UNIFESP) e Aline ( portadora).


EXCELENTE  E ESCLARECEDOR!


TEMA : SAIBA TUDO SOBRE SÍNDROME DE ROKITANSKY


 Clic no link para Assitir:


                   

Programa Prazer em Conhecer...todas as segundas 21h...no www.clictv.com.br

6 comentários:

  1. Anônimo2/22/2012

    adorei ler essas explicações pois faz dois meses que fiz essa cirugia de canal vaginal pois tenho ma formação uso um molde todo os dias tenho que trocar o preservativo que é colocado com o molde junto com pomada metronidazol pois não tenho tralma nenhoma estou fazendo tecnico de enfermagem so para ter mais conhecimento porque nunca ouvi falar desse problema,acho muito estranho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Flor, embora seja pouco divulgado, existem muitos casos no Brasil.
      Creio que por se tratar de algo íntimo existe o desejo de manter sigilo.
      Por um lado se preserva a moça, mas em contra-partida continua mantendo a Sd. desconhecida.
      Que bom que escolheu a enfermagem! Irá conhecer mais a seu próprio respeito e poderá ajudar outras moças com sua experiência pessoal.

      Excluir
  2. Anônimo2/22/2012

    dotoura eu estou asistindo este vidio pois meu molde é diferente desse o meu é como se ele fosse de louça antes de eu usar eu visto o molde com um preservativo e coloco a pomada metronidazol e tiro uma vez por dia.pois eu tenho 19 anos fiz essa sirugia o ano passado faz so 6 meses.ass wane.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Wane, esclarecendo que não sou doutora, tbm sou portadora da Sd. Nossas respostas são baseadas em nossa própria experiência pessoal, de amigas, de pesquisas e com ajuda de médicos parceiros.
      As doutoras do vídeo são algumas de nossas parceiras.
      Bem, vamos à sua pergunta...
      Existem diversos tipos de molde: louça, metal, espuma,silicone... E até prótese peniana de sex-shop.
      Todos modelos são eficazes desde que usado corretamente.
      O diferencial está no conforto e preço.
      Este modelo do vídeo, de encaixes, é indicado para processo de dilatação ( não-cirurgico)em que o tamanho é modificado progressivamente conforme evolução da paciente.
      Quanto a pomada metronidazol, precisa perguntar ao seu médico qual a função dela e se pode ser usada de forma contínua ( pois já fazem 6 meses). Existem pomadas de base hormonal que são indicadas na ajuda de restauração do canal. ( tbm usadas em caso de vaginismo)
      Troque idéia com seu médico!

      Excluir
  3. Olá, gostei muito do blog. Vou fazer 26 anos e descobri a síndrome quando eu tinha 16 anos. Não foi fácil lidar, mas o apoio da família me ajudou muito. Passei esses quase dez anos tocando muito pouco no assunto, e esperando a hora certa para fazer o tratamento. Encontrei uma pessoa que me compreende, física e emocionalmente, e decidi que vou fazer o tratamento com o molde. Fiquei muito aliviada de ver esse vídeo e sobre como existem outras mulheres que passaram e passam pelo mesmo que eu. Muito obrigada, vou continuar acompanhando o blog.

    ResponderExcluir
  4. Tati, sabemos o quanto é difícil aceitar a sd., bem como complicado se posicionar diante de um tratamento. Foi bom vc ressaltar a importância do apoio familiar, é exatamente daí que vem a estrutura emocional para passar por cada etapa.Vejo que está decidida pelo tratamento com molde e isso demonstra que irá ter disciplina e certamente verá os resultados. Se for possível nos conte seus progressos, assim servirá de incentivo para outras meninas. BJK

    ResponderExcluir