"SÍNDROME DE ROKITANSKY (MRKH)"

Espaço para divulgação, informação e apoio às portadoras de "SÍNDROME DE ROKITANSKY".
A participação de profissionais de saúde e familiares também é muito bem vinda.
Vamos juntos debater o tema, esclarecer dúvidas e aprender para tornar a descoberta e aceitação da Síndrome menos dolorosa.

27 de mai de 2014

BRASIL x CIRURGIA

Costumamos achar que no Brasil pouco se fala sobre Rokitansky e que  nossa medicina está atrasada quanto ao tratamento. 

Vejam isso:

Em maio de 2014, vários sites destacaram a notícia "revolucionária" de que a Argentina realizou a cirurgia utilizando pele da coxa da paciente. 

Definiram a técnica como  " incomum".

O fato ocorreu em 2012, mas só noticiada agora devido artigo médico. 

Li tantos "óhhhh" abismados e surpresos com a notícia.

Na última semana curiosamente fui procurada por várias mulheres acima de 40 anos , a maioria   foi operada aqui no Brasil com essa técnica. 

Ou seja,  os cirurgiões de nosso lindo país, há mais de 20 anos  já utilizam esse revestimento. 

E  já  adotam  tantas outras técnicas que evitam a retirada de pele da própria paciente , como por exemplo: membrana amniótica e  celulose oxidada.


Estamos à frente da Argentina \o/   (hehe)


Veja matéria:  Argentina realiza vaginoplastia utilizando pele da coxa 


6 comentários:

  1. Anônimo11/30/2014

    eu sou uma paciente que tem a sindrome fui operada tres vezes e peço socorro pois as tres que eu fiz nao obtive resultado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa vida ! :( sinto muito
      Não é muito comum isso acontecer, conheço muitas meninas que operaram e raramente acontece de não dar certo a cirg
      Entre em contato comigo por e-mail pra gente conversar melhor, tentar entender o que houve e encontrar alguma forma de te ajudar. Eu acredito em soluções!
      s.rokitasky@hotmail.com

      Excluir
    2. Fernanda10/19/2015

      Eu fiz há 20 anos e foi ótimo...

      Excluir
  2. Anônimo disse...

    descobri ontem que minha filha de 13 anos tem essa sindrome, queria saber se é verdade q na primeira operação não dá certo mesmo, estou apavorada pois o médico não nos deu alternativa entre operar e tbém tirar o útero. Por favor preciso de explicações. Obrigada Rosana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Kya, primeiro deixa eu esclarecer que não sou profissional de saúde. Dei-me ver se compreendi Sua filha tem útero funcionante e essa primeira cirurgia seria somente para retirada de útero? É isso? E futuramente fazer a cirurgia do canal?
      Olha , pela idade de sua filha , ela não poderia fazer agora a neovaginoplastia, pois é necessário maturidade para entender a necessidade do uso do molde e ter a possibilidade de vida sexual ativa. Flor, sugiro que procure opinião de um outro médico, pra analisar direitinho as possibilidades e ter segurança da decisão. Tem surgido histórias que tem surpreendido, quem sabe s o útero for funcionante se ache uma alternativa de preservá-lo. De onde vcs são?
      Entre em contato por e-mail: s.rokitansky@hotmail.com

      Excluir
  3. Anônimo6/26/2016

    Alguém pode me dizer como foi a cirurgia? Como por exemplo, tempo de duração, pós operatório e recuperação? Estou querendo fazer mas tenho alguns medos. Obrigada.

    ResponderExcluir